Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade
Aceitar Cookies
Recusar Cookies
 
  •  
     

    Abertura do Centenário de Nascimento do Padre Luís Cecchin

    O Instituto Padre Luís Cecchin e a Diocese de Nazaré deram início as comemorações do centenário de nascimento do Padre Luís Cecchin

    Notícias

    19.12.2023 15:41:12 | 3 minutos de leitura

    Abertura do Centenário de Nascimento do Padre Luís Cecchin

    A celebração, presidida pelo Bispo Emérito da Diocese de Nazaré, Dom Severino Batista de França, ocorreu no dia 11 de dezembro na área aberta do Instituto Padre Luís Cecchin. Contou com a presença de representantes das três Paróquias de Limoeiro, comunidades rurais e urbanas, grupos, movimentos, pastorais e serviços, todos unidos em comunhão com familiares e amigos do Padre Luís, que acompanharam o evento da Itália por meio da transmissão pelas redes sociais.

    Na presença do Pe. Osmair, Pe. Adelmo, Pe. Ícaro, o seminarista Edjon e toda a equipe litúrgica, foram convidados a receber um banner comemorativo do centenário e uma bênção especial de envio para vivenciarem, ao longo do ano, momentos de celebração em ação de graças por esse momento especial, pelo dom da vida, vocação, missão e testemunho do Padre Luís Cecchin.

    Padre Luís Cecchin nasceu em 11 de dezembro de 1924, em San Martino di Lupari, Padova, Itália, filho de Giovanni Cecchin e Anna Bolzon, e teve mais sete irmãos.

    Ingressou no Seminário em 18 de outubro de 1937 e foi ordenado em 26 de junho de 1949 pelo Bispo Dom Antônio Mantiero.

    Em 6 de janeiro de 1969, recebeu o "mandato" como missionário "Fidei Donum" em Galliera Veneta, sendo enviado ao Brasil, à Diocese de Nazaré, no estado de Pernambuco, com chegada datada de 26 de maio do mesmo ano.

    Com a ajuda das irmãs Franciscanas de Maristela, acolheu crianças e adolescentes em situação de rua e marginalizados no ano de 1970.

    Uma vida de intensa caridade e luta contra as injustiças sociais. Sempre fiel às orientações da Igreja, foi pároco da Paróquia de São Sebastião em Chã de Alegria até 1922.

    Em 2008, foi nomeado vigário paroquial da Paróquia de São Sebastião em Limoeiro, igreja que ele havia ampliado e reestruturado.

    Em 1989, foi declarado cidadão limoeirense e, em 2009, cidadão pernambucano.

    Em 2009, descobriu uma grave doença e, sob obediência do Bispo Diocesano, retornou à Itália para tratamento, onde faleceu em 26 de março de 2010, tendo seu corpo chegado ao Brasil em 5 de abril de 2010, sendo sepultado ao lado do Altar da Igreja de São Sebastião, em Limoeiro.

    Em sua homenagem, após os Pobres Servos da Divina Providência assumirem a administração, o Centro de Formação passou a ser chamado de ‘Instituto Padre Luís Cecchin’.

    A abertura do Centenário de Nascimento do Padre Luís Cecchin marca um momento muito importante, histórico e significativo para todo o povo de Deus. Pe. Luís continua vivo em sua obra e junto aos mais vulneráveis. Sua luz continua a iluminar e transformar vidas, e seus apelos continuam a ecoar nos corações mais generosos para que nunca esqueçam de ajudar as pessoas que mais precisam, os preferidos de Deus.

    Padre Luís Cecchin é uma lâmpada de esperança para tempos tão desafiadores. Que Deus, em Sua infinita bondade, lhe conceda a glória dos santos e que todas as pessoas, seguindo seu exemplo, possam irradiar o amor do Pai e testemunhar Sua misericórdia.

    Link com mais informações.

    Mais em Notícias
     

    Copyright © Pobres Servos da Divina Providência.
    Direitos reservados, acesse a política de privacidade.